Texto retirado e “melhorado” do meu blog antigo!

“Falar é fácil! Demais até! Fazer, como já dizia minha tataravó bem antes de Freud tornar o inconsciente tão popular, é outro departamento! Do cérebro à boca a distância, ao menos a física, é pequeninha! E não é preciso muito esforço para dizer palavras açucaradas capazes de anestesiar e arrastar alguém para longe, bem longe… Do bom senso! Bem mais fácil que tirar pirulito da boca de criança é iludir alguém com paixão!A questão que fica é… Até que ponto devemos nos empolgar com manifestações verbais que não são acompanhadas por ações concretas?
Se tiveres de escolher entre aquilo que alguém diz e o que faz, fique com a segunda opção! São os atos que falam mais alto. Muito mais alto!Até porque, atualmente, parece que existem pessoas que fazem da sedução um hobby no qual o objetivo final, é manter o alvo cativo [ ou cativado?], iludido [e ilusionário!], numa espécie de jogo arcaico dos tempos em que Chacrinha distribuia o troféu abacaxi, ou antes ainda, quando nem havia luz elétrica nos castelos cheios de luxo, mas também repletos de assombrações.

Ninguém merece perder noites tentando entender por que AQUELE “príncipe encantado” ficou de ligar e nem se deu ao trabalho! Porque ele se disse apaixonado e sumiu! Porque marcou um jantar e mudou de idéia? E nem adianta se enganar com as velhas desculpas: “anotei o telefone num papel tão pequeninho que ele deve ter perdido!” ou “ah! O celular deve estar estragado ou sem crédito!”. O fato é: Ele esquentou a relação e caiu fora! Declarou-se seu namorado e saiu com outra! Cantou e não tomou atitude! Jurou que você era tudo de bom que buscava numa mulher e não fez nada! Ninguém merece patinar em pistas (DE GELO!) frágeis, escorregadias, e que a qualquer momento podem se transformar em água ou se partir! Antes de apresentar uma coreografia é preciso espiar o público para não dançar antes da hora ou fora de compasso.Checar se o sujeito é confiável, se é o do tipo que cumpre promessas, que só se compromete com aquilo que pretende levar adiante é atitude compulsória e medida de sobrevivência! Deveria vir escrito na embalagem, assim como ocorre com as caixas de cigarro! O ministério da saúde adverte: Confiar em papo furado é prejudicial à saúde e pode afetar o coração! (Ao menos não seria falta de aviso!).Se o cara fala e nada faz, fique esperta! Antena ligada! Atenção redobrada! As sirenes estão soando! Na vida, sem ação nada acontece, e não poderia ser diferente no campo amoroso [campo de guerra! Há!]! E nada de buscar justificativas para aceitar fatos que não tem lógica. A verdade tem luz própria e não adianta cobrir espelhos com panos quentes, afinal, quem vai acabar pagando a fatura (e cara!) nos final das contas és tu!Respondas rápido: Quanto tempo é necessário para perceber uma cilada e cair fora? Dizem por aí que nosso inconsciente precisa de poucos segundos para diagnosticar se pode ou não rolar uma relação com o sujeito em questão, antes mesmo do final de um primeiro encontro. No fundo no fundo, você logo sente o cheiro de fumaça no ar, mas enquanto isso, a mente consciente se esforça para tapar com a peneira os indícios do incêndio que está por vir! Porque então ficar se enganando? Fingindo que acreditas que ele vai mudar, que as coisas vão ser diferentes, que vão ser felizes para sempre, quando tudo o que há é uma repetição de padrões, um vaivém de promessas e desculpas, de erros e arrependimentos? Acorda jacaré, se não quiseres virar bolsa de vitrine! Sair fora enquanto é tempo é a única escolha possível quando se quer apostar na própria felicidade!Dói. O tempo fecha! Você fica sujeita a vários e imprevistos efeitos colaterais e às vezes até mesmo efeitos retardatários resolvem te acometer quando já acreditavas estar curada! Pode até parecer que não vai passar nunca, mas juro, só parece! A boa notícia é que passa e que, assim como os amores vão, novos e melhores vêm! É aquela historia do “vão-se as alianças, ficam os dedos” né? E se o dedo ficou, aposto que logo logo estará recebendo uma nova aliança! Porque a capacidade de amar é sua e o desejo de ser feliz também! E nisso ninguém tem o direito de meter o bedelho!

Assim sendo, respire fundo e reconheças que mereces o melhor. Se não fizer novas escolhas e seguir em frente, sua vida vai continuar a mesma [bosta***], e você vai seguir usando a sua energia tentando se equilibrar na corda bamba de um relacionamento falido! Nem trapezista seria tão capaz!!! E pra falar a verdade, cordas bambas estão mesmo é fadadas a se romper, lançando-te ao chão! Então, pula fora logo! Tome uma atitude que alimenta!!! E quando digo isso, não significa que ficar sentada bebendo toddy em casa vai resolver!O bom é que hoje é sempre o melhor momento! A hora certa é sempre agora. Nesse minuto! Agora é o tempo certo para fazer a coisa certa! E, por mais medo que você tenha de ficar sem, de viver “sozinha”, de não encontrar outro e blábláblá… Uma coisa é certa: Ninguém perde aquilo que não tem!!! Investir num cara que não faz o que promete, que fala, mas não age e que não te enxerga é jogar fora seu capital amoroso para investir num “negócio” falido.Ao insistir num relacionamento de roteiro dramático não vá se queixar depois de ter se tornado personagem de uma cidade cenográfica abandonada, onde não passa ninguém, porque a novela [mexicana!] saiu do ar e só você não notou.”

Anúncios